Como anda o meu nível de combustível?

Faltou combustível no avião da chapecoense…
Ontem fiquei avaliando minha vida e gostaria de compartilhar com vocês…
Faltou combustível naquele avião… Faltou comprometimento, faltou responsabilidade, faltou verdade, economizou se por pouco e colocou em risco a muitos.
Quantos de nós tem deixado de nos abastecer com o combustível essencial que nos conduz ? Quantos de nós tem economizado em nosso combustível,  enquanto muitos se abastecem e dependem deste combustível de que somos alimentados?
Quantas pessoas de minha família, da sua família, do meu trabalho, do seu trabalho, da minha vizinhança, da sua vizinhança, anda  pelo combustível da nossa vida?
De que estamos sendo abastecidos? Estamos andando somente com reservas, só para o que dá pra hoje, ou estamos nos abastecendo com fartura, para que tenhamos de sobra, para abastecer e cuidar para que o nosso próximos, venha se abastecer em nós, quando precisam?
Refleti muito ontem sobre isso… Todos falam dos que morreram, dos que ficaram, dos sofrimentos de cada um deles. Será que podemos evitar tragédias maiores, se estivermos abastecidos por uma palavra amiga, um gesto de caridade e cuidado maior  com a vida do outro?
Peço a Deus que me modifique,  na minha individualidade e que eu possa olhar para o outro, como aquele que  levanta voo, com segurança, nos momentos difíceis, pois se abasteceu com minhas melhores atitudes, meus melhores exemplos. Que eu seja, e que nós sejamos,  fonte de abastecimento de fé, amor, caridade, tolerância na vida do nosso próximo.
Vamos nos abastecer sem reservas. Em João 4: 35, está escrito:  “Não dizeis vós que ainda há quatro meses até que venha a ceifa? Eis que eu vos digo: Levantai os vossos olhos, e vede as terras, que já estão brancas para a ceifa.”
Não sabemos a hora que seremos ceifados, os chapecoenses, também não sabiam que aquela seria sua última viagem… Estamos bem abastecidos
?
Precisava compartilhar isso com vocês.

Se abasteçam no amor de Deus e ame seu próximo sem reservas.

 

Por Célia Silva.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *